Barra Bonita > Livro - 100 anos de histrória

O ESTÁDIO MUNICIPAL

O ESTÁDIO MUNICIPAL
"VICENTE ZENARO MANIN"
INAUGURADO EM 22 DE DEZEMBRO DE 1963

Já vimos no Capítulo dos Esportes que o futebol sempre foi o preferido pelos barra-bonitenses e as disputas futebolísticas realizavam-se nos mais diferentes locais, todos eles adaptados para aquela atividade.
O primeiro e verdadeiro campo de futebol que se tem notícia, foi o campo da Fazenda Santa Eliza, ao lado do Rio Tietê, cedido pelo proprietário e pai de um dos fundadores da Associação Atlética Barra Bonita, Dr. Orozimbo Loureiro Junior, para os mandos de jogos da alvi-negra. Ali, a partir de 1923 e até 1963 foram realizados os jogos de todos os clubes barra-bonitenses, desde os campeonatos varzeanos, amistosos, até decisões locais e regionais de campeonatos.
Quando o senhor Natale Petri adquiriu a Fazenda Santa Eliza, nos anos 40, manteve a cessão do imóvel cuja conservação e manutenção era feita pela A.A.B.B.. Para homenagear o novo proprietário foi construído um belo portal junto ao morro (hoje limite do Parque Turístico) e na fachada, com grande destaque, a nova denominação "Estádio Natale Petri".
Uma grande plantação de eucaliptos cercava todo o campo até a margem do Rio Tietê, dando sombra e enfeitando a paisagem. Não havia alambrado, os torcedores ficavam bem próximo dos jogadores, separados apenas por um parapeito de madeira de um metro de altura. E não havia invasão de campo! Bons tempos aqueles!
Com o crescimento da prática dos esportes na cidade a reivindicação popular não poderia ser mais justa: a construção de um Estádio, onde além do futebol, outros esportes, como por exemplo o atletismo pudessem ser praticados.
O Prefeito Vicente Antonio Zenaro Manin (*), sensível ao apelo dos esportistas, obteve da Usina da Barra S/A Açúcar e Álcool, a doação para o município de uma área de 34.916 m2, na Vila Narcisa, e o engenheiro Dr. Oquendo Lopes elaborou o projeto da nova praça de esportes, com arquibancadas de tijolos e capacidade para oito mil pessoas sentadas, além de amplos vestiários, sanitários, inclusive para os árbitros das partidas, depósito de materiais, etc.., etc..
Na época, 1963, o Estádio ficava encostado nos canaviais, pois a Vila Narcisa, ainda em formação, possuía apenas o arruamento com a demarcação dos lotes.
Para a inauguração uma grande festa!
No dia 22 de dezembro de 1963, ao lado dos portões de entrada, o Sr. Prefeito Municipal acompanhado de sua esposa, Sra. Marcela Frollini Manin, descerrava a placa comemorativa, cujos dizeres representavam o reconhecimento público ao seu grande idealizador:


ESTÁDIO MUNICIPAL
VICENTE ZENARO MANIN

ADMINISTRAÇÃO DE 1960 A 1963
PREFEITO VICENTE ZENARO MANIN
VICE-PREFEITO LUIZ SAFEI
ASSESSOR PROF. BELMUDES DE TOLEDO
PROJETO DR. OQUENDO LOPES
COLABORAçÃo ESPONTÂNEA DA USINA DA BARRA S/A
VEREADORES
WALTER CORREA BRAGA - JOÃO BORGES DA CUNHA - ANTONIO B. DI MUZZIO - ORLANDO LOPES - JOSÉ MUCARE - HENRIQUE STOLF - ADIB MUCARE - ERNESTO T. STANZIONE - ARTHUR BATTAIOLA - HERMINIO DE LIMA - ELPIDIO CHACON
INICIADO A 10-12-61 E OFERECIDO AO POVO E AOS ESPORTISTAS DE BARRA BONITA EM 22/12/63


Em seguida, a alegria popular pela inauguração do gramado com três partidas futebolísticas assim distribuídas:
1) ANTE-PRELIMINAR: Funcionários da Prefeitura 2 x Bancários 1
2) PRELIMINAR: Juvenil da A.A. Ponte Preta (local) 3 x Juvenil da A.A. Barra Bonita 2. Marcaram para a A.A. Ponte Preta: Chiquinho Ragoni, Antônio Osvaldo (Bodinho) De Lucca e Pindorama. Para a AABB: Zé Maria Bombonatto e Dino Guzzo. Juiz: Irio Color Bombonatto.
3) PRINCIPAL: Entre as equipes profissionais da Divisão Especial da Federação Paulista de Futebol: E.C. Noroeste de Bauru 2 x E.C. XV de Novembro de Piracicaba 2.
Nessa partida brilharam os barra-bonitenses esportistas da família Bombonatto: Elmos foi o árbitro, Irio e Zé Maria os bandeiras. Os três obtiveram aprovação unânime da torcida pelo correto desempenho de suas funções.
A partir desta data, o novo Estádio que, pelas acomodações confortáveis e amplas ficou conhecido popularmente por "Vicentão", passou a sediar todas as competições esportivas na cidade, e muitas outras das cidades vizinhas, iniciando-se um movimento para dotá-lo de iluminação, afim de nele serem realizados jogos de futebol, competições e shows à noite.
(*) Nome completo do Prefeito, embora esteja grafado na placa do Estádio "Vicente Zenaro Manin".


A INSTALAÇÃO DOS REFLETORES
A inauguração dos refletores do "Vicentão" foi uma das primeiras obras realizadas pelo Prefeito Dr. Clodoaldo Antonangelo em sua segunda gestão administrativa, ocorreu em 10 de outubro de 1973 e para alegria da grande torcida alviverde de Barra Bonita (entre os quais o próprio Prefeito) o grande acontecimento foi abrilhantado pela equipe principal S.E. Palmeiras da capital, que teve como adversário o E.C. Noroeste de Bauru, em partida que terminou empatada: 2 a 2.
É importante lembrar que essa era a segunda vez que o Palmeiras visitava nossa cidade, exibindo-se no "Vicentão". A primeira foi no dia 19 de março de 1965 (festa do 82º aniversário da cidade) contra o XV de Jaú, saindo vencedora a "Academia Alvi-Verde" por 5 a 2.
Mas voltemos a 10 de outubro de 1973.
O Estádio totalmente lotado (a renda foi doada à Casa Andorinha), torcedores locais e de toda região; emissoras de rádio e jornais de São Paulo, Bauru, Jaú e Barra Bonita, transformaram nossa cidade num grande centro futebolístico, demonstrando arrojo e capacidade de realização para um evento de tão grande porte. Não havendo cabine de rádio (posteriormente construída) os locutores e técnicos de som instalaram-se na cobertura dos vestiários e de lá efetuaram suas transmissões!
Depois desse acontecimento marcante, outra meta foi estabelecida, a instalação de cadeiras e cobertura para maior conforto do torcedor.


AS CADEIRAS COBERTAS
Na noite de 15 de março de 1980, o Prefeito Municipal José Kyelce dos Santos, entregava ao povo mais um melhoramento efetuado no "Vicentão", incluído nos festejos do 97º aniversário da cidade: parte das arquibancadas foram cobertas e nelas instaladas as cadeiras. O grande homenageado foi o Sr. Vicente Antonio Zenaro Manin, ex-prefeito, em cuja administração foi construído o Estádio.
Após as cerimônias de praxe, a torcida que lotava o "Vicentão" aplaudiu o início da partida entre a Seleção de Barra Bonita e o "Scratch do Rádio" da Rádio Bandeirantes de São Paulo, cuja equipe era comandada pelo nosso conterrâneo e internacionalmente famoso locutor e cronista esportivo Fiori Gigliotti, o qual também foi homenageado e efusivamente saudado pelo público ouvinte de suas transmissões esportivas.
O "Vicentão" continua sendo, mesmo com o passar dos anos o grande palco de todos os espetáculos esportivos e artísticos, e a maioria das competições é feita com "portões abertos" para alegria do povo!


Estádio Municipal Vicente Zenaro Manin - Inaugurado em 22/12/1963


18/03/1980 - Fiori Gigliotti, consagrado radialista Barra Bonitense e Leonardo, atleta local, ladeiam o casal Marcela e Vicente Zenaro Manin (Ex-Presidente), na festa de inauguração das cadeiras do "Vicentão", após as homenagens do prefeito José Kyelce do Santos.

 
(Página 78)
 
< Anterior Próxima >

 
| PÁGINA INICIAL
| Prefeitura
| Secretarias
| Indicadores Municipais
| Notícias
| Editais e Licitações
| Gastos Públicos
| Legislação Municipal
| Área turismo
| TV Prefeitura
| Links úteis
| Serviços Online
| Ouvidoria


Prefeitura da Estância Turística de Barra Bonita - Pça. Nhonhô de Salles, 1130 - Cep 17340 - 000 Tel. (14) 3604 - 4000