Barra Bonita > Livro - 100 anos de histrória

O CLUBE ATLÉTICO BOTAFOGO

O CLUBE ATLÉTICO BOTAFOGO
FUNDADO EM 24 DE FEVEREIRO DE 1968

De acordo com o livro de Atas, o Clube Atlético Botafogo foi fundado oficialmente em 24 de fevereiro de 1968,por iniciativa do esportista barra-bonitense Benedito Alcindo Biazetti, na mesma data eleito presidente da diretoria provisória, ao lado de Manoel Marcos Ribeiro, secretário e Antonio Ricci, tesoureiro. Na oportunidade, o presidente indicou os senhores: José de Andrade e Silva, Oscar Luiz Rossi e Onivaldo Manoel da Silva para providenciarem a elaboração dos Estatutos, os quais foram aprovados em 1º de março de 1968.
Ambas as reuniões oficializaram o "nascimento" do clube, que de acordo com as afirmações do próprio presidente Alcindo, ocorreu na antiga "Lanchonete Grenat", hoje a indústria de roupas Orks, na rua 1º de Março. Tendo ele deixado o cargo de treinador dos times do "Infantil" e do "Juvenil" da AA. Barra Bonita, iniciou a formação de nova equipe utilizando as camisas da Associação Atlética Ponte Preta, com a denominação de "Juvenil Ponte Preta Junior".
Para não confundir nomes e cores, Alcindo decidiu então fundar um novo clube. Assim nasceu o CLUBE ATLÉTICO BOTAFOGO - com as cores rubro-negras.
Ainda de acordo com as palavras do fundador, a primeira diretoria não oficial do CA Botafogo foi a seguinte:
Presidente: Benedito Alcindo Biazetti
Vice-Presidente: Antônio Ricci
Secretário Geral: José de Andrade e Silva;
1º Secretário: Manoel Marcos Ribeiro;
2º Secretário: Nilo Gatti
1º Tesoureiro: Oscar Rossi
2º Tesoureiro: José Prado
Presidente do Conselho: Dr. Gastão Lorenzon
Além dos colaboradores: Wilson dos Santos, Silvio Ragoni, Geraldo Biazetti e Geraldo
Sbeghen.
Entre os fundadores e simpatizantes do clube, o presidente Alcindo angariou o valor necessário para aquisição do novo uniforme e convidou a Associação Atlética Sãomanuelense, da Terceira Divisão de Profissionais para o jogo de estréia no "Vicentão" no dia 20 de abril de 1968. E lá no meio do gramado, as jovens senhoritas escolhidas como madrinhas, entregaram solenemente aos atletas as novas camisas, sob aplausos do público presente e animação da Banda Musical de Barra Bonita. O ponta-pé inicial foi dado pelo dr. Clodoaldo Antonangelo, prefeito municipal, o árbitro foi Sinesio Luchesi e vitória da A.A. Sãomanoelense por 3 a 2, marcando os gols do Botafogo, Zé Mané e Paulinho Rossi. Na preliminar os Aspirantes foram os vencedores por 2 a 1 contra o time do Barreirinho F.C.. O "Jornal da Barra" registrou o fato destacando equipe principal que formou com: Marrom (Alcides), Pedrão, Wilson, Oscar e Zé Prado; Paulinho e Taio (Gonçalo); Sinval (Tucura), Mané (Barros), Zé Mané e Bececê (Valderino).
Instalando sua sede a rua Campos Salles, nº 299, no mesmo ano, o Botafogo filiou-se à Federação Paulista de Futebol e disputou o Campeonato Amador do Interior de 1968, pela liga São Carlense, destacando-se como "Campeão da Disciplina" , fato que é lembrado com muita emoção pelo jogador-fundador José Antônio Molina (Taio).
Em 1970 licenciou-se do "Amador", disputando apenas campeonatos locais (varzeanos) e jogos amistosos, até 1974.
Em 1975 retornou às atividades oficiais, disputando o Campeonato da Liga de Futebol Amador de Jaú.
No ano de 1976, a "grande explosão" da equipe do Botafogo! Sagrou-se Campeão Regional e foi "batendo" todos os adversários até chegar ao título inédito para Barra Bonita, de Campeão Amador do lnterior do Estado de São Paulo, disputando no "Vicentão", a partida final contra o "Américo" de São José do Rio Preto, no dia 24 de abril de 1977, que foi decidida nos pênaltis, com o estádio totalmente lotado pela vibrante torcida. Eis os campeões do Estado de 1976: Nelsinho, Tentico, Duda, Zé Haroldo e Da Guia; Taio e Vardinho; Molina, Jairzinho, Vado e Walter. Honorato e Zé Mané que entraram no segundo tempo, além de Helinho e Cescato (este jogador e preparador físico). Técnico: Benedito Alcindo Biazetti; Roupeiro: Waldir; Diretores: Antonio Oswaldo De Luca, presidente e Agostinho Grigoletto.
A festa do Bota ganhou as ruas da cidade, com o desfile dos campeões, bandeiras, carros, buzinas, instrumentos musicais, numa animação única que terminou em carnaval na Avenida Pedro Ometto.
Essa memorável conquista garantiu a cessão das instalações do Clube Operário Barra-bonitense, o "Clubão" na Vila Habitacional para funcionar como sede do Clube Atlético Botafogo através de acordo com a Prefeitura e a Fundação Pedro Ometto (proprietária do imóvel).
Com a responsabilidade do título de campeão de 1976, o "Bota" voltou em 1977, com força total para as novas disputas, sempre incentivado e aclamado por sua "apaixonada" torcida que lotava estádios e acompanhava a equipe em todos os jogos por mais distantes em que eles fossem realizados. Vencendo novamente o Campeonato Regional, partiu para as finais, ficando desta vez com o vice-campeonato (o campeão foi o Rigesa de Valinhos) um título que também orgulhou nossa cidade, pelo esforço de seus dirigentes, combatividade de seus atletas e a vibração de sua torcida.
Disputou, nos anos seguintes, os campeonatos regionais, sagrando-se campeão em 1979 e 1980 e vice-campeão em 1952, ano em que era presidente o Sr. Sérgio Granna.

Fontes: Depoimentos de Benedito Alcindo Biazetti, Jose Antonio Molina (Taio), Jornal da Barra nº 488 e Folha do Vale nº 227.


Clube Atlético Botafogo Campeão do Estado de 1976.
Em pé: Augustinho Grigoleto (encoberto), Alcindo Biazetti,
Cescato, Nelsinho, Dirceu, Walter, Duda,
Tentico, Taio e De Lucca. Agachados: Helinho,
Molina, Wado, Rugerinho, Da Guia, Honorato,
Varasquin, Jairzinho e Odair - não aparece na
foto o também campeão Zé Haroldo.

 
(Página 95)
 
< Anterior Próxima >

 
| PÁGINA INICIAL
| Prefeitura
| Secretarias
| Indicadores Municipais
| Notícias
| Editais e Licitações
| Gastos Públicos
| Legislação Municipal
| Área turismo
| TV Prefeitura
| Links úteis
| Serviços Online
| Ouvidoria


Prefeitura da Estância Turística de Barra Bonita - Pça. Nhonhô de Salles, 1130 - Cep 17340 - 000 Tel. (14) 3604 - 4000